17
Out 07

Num tempo de neoliberalismo e ataque aos mais pobres, lembrar a Manif de amanhã convocada pela CGTP.

E lembrar como faz falta hoje outro Che Guevara.

publicado por José Manuel Faria às 18:05

6 comentários:
esquerdismo em demasia.
vigilante a 17 de Outubro de 2007 às 18:19

Esta música revolucionária mexe, camaradas.
Sandra Silva a 17 de Outubro de 2007 às 21:17

Vamos ter calma, amanhã é um dia importante para ver o peso da alternativa de esquerda.

Não me parece que o mendes e o menezes apareçam por lá.

José Manuel Faria a 17 de Outubro de 2007 às 22:14

Mesmo sem ver o vídeo digo desde já que o saudosismo sobre Che Guevara é um mito tão perigoso como o do Cristianismo apaixonado e sem distanciamento histórico e analítico.

Percebo a necessidade de referências, mas mitificar Che é extremamante perigoso, porque pode induzir na legitimação de pormenores sombrios e desumanos do seu carácter, e que os historiadores já vêm revelando há bastante tempo.
jmsmachado a 18 de Outubro de 2007 às 11:12

Ernestro Che Guevara descende de uma famila nobre, coloca tudo de lado, quando poderia ter uma boa vida, dotado de rara Inteligencia, defende um ideal, e suas frases falam por si. HASTA SIEMPRE!


"Hasta la vitória, siempre!"


"Acima de tudo procurem sentir no mais profundo de vocês qualquer injustiça cometida contra qualquer pessoa em qualquer parte do mundo. É a mais bela qualidade de um Revolucionário."


"Os poderosos podem matar uma, duas até três rosas, mas nunca deterão a primavera."


"Não há fronteiras nesta luta de morte, nem vamos permanecer indiferentes perante o que aconteça em qualquer parte do mundo. A vitória nossa ou a derrota de qualquer nação do mundo, é a derrota de todos."


"Nossos filhos devem possuir as mesmas coisas que as outras crianças, mas eles devem também ser privados daquilo que falta às outras crianças".


"Vale milhões de vezes mais a vida de um único ser humano do que todas as propriedades do homem mais rico da terra".


"O verdadeiro revolucionário é guiado por grandes sentimentos de generosidade; é impossível imaginar um revolucionário autêntico sem esta qualidade".
cc a 19 de Outubro de 2007 às 22:59

Sugiro um filme recente: "Frida" - história da vida de uma pintora.

O retrato aí feito sobre Che é muito comprometedor.

Executar os inimigos ideológicos quando se possui o domínio militar do território terá quase nada de humanidade...
jmsmachado a 21 de Outubro de 2007 às 12:19

Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Visitas
Visitor Counter
comentários recentes
AO ANÓNIMO 19:09. És um tanso de primeira por não ...
Vamos pensar em coisas mais interessantes , e poli...
Oh Guti não te cabe um feijaozinjo no olhinho
Ao anónimo das 19H09. Então um licenciado é um Dou...
Interna-te antes que já não tenhas cura. Ou então ...
É verdade.Já está a tirar o tirocínio com Pedro Ol...
Oh pá não sabes o que é uma pessoa que está num lu...
Oh peixeiro, vá vender sardinha para a sua terra.N...
Sarna? Olha utiliza acido undelénico.E aplica bem ...
O J.P é mestre no Ga..... Nisso ganha a qualquer u...
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO