22
Fev 08

Caiu o acordo PS/PSD da lei eleitoral autárquica

 

A nova Lei Eleitoral para as autarquias caiu por pressão dos presidentes de junta, estes nas Assembleias Municipais não votariam os orçamentos e planos e as moções de censura. Curiosamente uma razoável decisão de mudança que até deveria ir mais longe, a não presença destes nas AMs dos presidentes de junta (desvirtuam as votações).

 

O PSD fez cair a Lei, porque os seus assim o quiseram e tiveram receio à alteração.

 

Ainda bem que a Lei caiu, apesar de ter sido por portas travessas.

 

 Adenda:

Credibilidade 

Quebrando deliberadmente os acordos formais que tinha feito com o PS sobre a justiça e a lei eleitoral para as autarquias locais, o PSD põe em causa a sua própria honorabilidade política. Se, por puro oportunismo político, se recusa a cumprir um contrato interpartidário, como esperar dele o cumprimento de qualquer outro compromisso institucional?!
O pior que pode suceder à credibilidade de um partido de vocação governamental é criar a sensação de infidelidade à palavra dada, não sendo "tábua de sustentar prego"... Vital Moreira

publicado por José Manuel Faria às 10:58

Fevereiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





Visitas
Visitor Counter
comentários recentes
Anónimo a 23 de Setembro de 2017 às 16:44Por favor...
Realmente JIC tem dado um pouco mais a conhecer se...
Realmente o Francisco Ferreira é mesmo importante,...
Pois com tamanha peixeirada o melhor é pôr-se a mi...
O BE não se fez representar.
Claro que é importante. vHS não passa de um pau ma...
É o mal, não dizem???
Mas em Vizela há CINCO candidatos, agora temos cen...
Tens humor e muito, mas muito....mau hálito!!!!!!!...
Era para fazer de conta que ia ler este artigo, ma...
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO