30
Jun 08

 

 

 

 

 

 

 

Um cidadão eleitor pode sem apoio partidário ser candidato a um dos 3 órgãos autárquicos.

 

Tem de encontrar algumas dezenas, centenas ou milhares de eleitores recenceados na área onde concorre que subscreva a sua candidatura. Digamos que há uma pureza democrática no acto e na vontade.

 

As desvantagens e perigosidades vêem após a eleição. Estes independentes não são confrontados com nenhum núcleo ou organização de discusão aberta sobre o seu trabalho, tornam-se senhores(as) únicos de poder. Podendo cair na prepotência ou no caciquismo mais puro. Alterar os pressupostos programáticos ou seus objectivos declarados. Os subscritores podem ter assinado um cheque em branco.A maior parte na sua inocência.

 

Se pensarmos na possibilidade de candidaturas independentes às legislativas o problema multiplica-se por mil. Um deputado(s) ser testa de ferro de um lobi ou corporação clandestina e por aí adiante.

publicado por José Manuel Faria às 11:33

3 comentários:
concordo. valetim e comp.
Anónimo a 30 de Junho de 2008 às 18:00

-O problema nem é bem o que aponta, mesmo estando certo na análise, a bondade das candidaturas verdadeiramente independentes seriam um trunfo. O problema é que por falta de circulos uninominais no parlamento, as autarquias são utilizadas pelas comadres zangadas dos partidos. Preferia ter meia dúzia destes deputados, a quem não ligávamos pevide, do que meia dúzia de autarquias nas mãos deles, alguém dúvida quem será o próximo presidente no Marco? Em Matosinhos não sei, é mais complicado, mas se o PSD optar por lançar um candidato mediocre como fez o PS em Oeiras nas últimas autarquicas , Narciso poderá ter hipóteses. E daqui até lá logo veremos se não aparecem mais alguns.
António de Almeida a 30 de Junho de 2008 às 18:12

Es mesmo obtuso, não sabes o que é a democracia.
As candidaturas independentes são a forma mais puro de democracia.
jorge peixoto a 23 de Outubro de 2008 às 22:17

Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10





Visitas
Visitor Counter
comentários recentes
JIC não MENTISTIU mas OMITISTIU, afinal quem é o ...
Nem o VHS! o passado ainda mais profundo.
Quem é o Zé Antunes?Frequenta Vizela!!!!!!!!!!!!!!...
Este é o Pecado Mortal de João Ilídio Costa...Não ...
Concordo plenamente, se, estamos para Eleger os ma...
A levar em conta.... 30 pessoas activas.. fazem mu...
Mais valem poucos... e com garra suficiente para d...
Desculpe lá, Sr. ANONIMO... ou cobarde pelo fato d...
Digam o que disserem.... somente uma FORÇA POLITIC...
Concordo plenamente .. um culpado está a ir.. um o...
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO