13
Ago 08

http://rumoacuba.files.wordpress.com/2008/01/che_guevara_fidel_castro.jpg

Fidel Castro, faz hoje anos, 82. O revolucionário que derrobou o ditador Baptista "fantoche" norte- americano, é um dos mais amados e odiados políticos do Mundo.

 

Elevou Cuba a uma potência regional enquanto teve apoio da URSS. A partir dos anos 90 do sec: XX, instalou-se na ilha uma crise económica que tenta ser superada pela força e amor da maioria dos Cubanos ao seu País.

 

Com a doença de Fidel, o seu irmão Raul Castro é o Presidente.

 

Com um sistema de saúde e educativo gatuito dos melhores entre os melhores. Falta à Ilha, ao País, liberdade política, sindical e de expressão.

 

Com Raul Castro tem havido pequenas reformas, creio que Cuba está no bom caminho. Reformas faseadas sem cedência  ao capitalismo.

publicado por José Manuel Faria às 11:49

3 comentários:
-Como já estive por 2 vezes em Cuba, falo com conhecimento de causa (algum), do que pude constatar. Existe um ódio dissimulado em relação a Fidel (a última vez que estive na ilha foi em Outubro 2005, pelo que Raul ainda não contava, para a maioria dos cubanos, o regime era Fidel). Falta-lhes tudo, liberdade, dinheiro, mas depois existe tudo, mas mesmo tudo, o embargo é uma treta, entra tudo via Canadá, México ou U.E., só não entra o que o regime não quer. Bebi por lá Coca-Cola sem problemas, numa só refeição que fiz com um grupo de amigos num restaurante italiano, tivemos Pizza, Lagosta e Bife do Lombo, enquanto bebiamos vinho francês, compra-se o que se quer no mercado negro, até se compra a polícia se necessário, corrupção é algo que por lá não falta, há boa maneira sul-americana. Nas ruas de Havana a prostituição cresce como cogumelos, em Varadero é mais refinada, mais organizada, não me admiraria que explorada por máfias locais, o comunismo já era, desde que exista dinheiro, pode-se comprar tudo, e olhe que é mesmo tudo.
António de Almeida a 13 de Agosto de 2008 às 14:04

-Uma observação que me esqueci, apesar das muitas mentiras e mitos que os regimes ditatoriais fabricam, o cubano não é excepção, existe uma admiração por "Che" e talvez mais surpreendente por Camilo. Esses são admirados pelos mesmos que quando ganhamos a sua confiança, nos dizem mal de Fidel.
António de Almeida a 13 de Agosto de 2008 às 14:07

Obrigado pelo seu comentário. A sua experiência conta.
José Manuel Faria a 13 de Agosto de 2008 às 14:23

Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9



26
27
28
29
30

31


Visitas
Visitor Counter
comentários recentes
Lista única.Vai ter muitas dificuldades em ganhar:...
Ó Gury pensei que tinhas emigrado.........Ó Gury t...
Por acaso, eu acho que se trata de uma excelente a...
Ainda bem que saltei fora do barco enquanto uns se...
Coitado do PS Vizela, a Dora a Presidente !!!!!!!!...
Então não são 800 mil euros, não é verdade, eminên...
Anónimo a 12 de Janeiro de 2018 às 11:11Se fosse a...
Um orçamento com mais de 3 milhões de lucro e não ...
Recorde prof. que a redução do IMI a pagar 2018 f...
O resto do entulho, sim, porque o entulho já foi a...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

12 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO