01
Mai 07

A CGTP, que vai defender o emprego com direitos, os salários, a dignificação do trabalho, uma justa distribuição da riqueza e os serviços públicos, assinala a data por todo o país, mas continua a ser a capital o palco da sua tradicional manifestação que, normalmente, junta milhares de trabalhadores.

A CGTP assinala a data com concentrações e desfiles em todos os distritos do país, mas é em Lisboa que se espera uma grande manifestação entre o Estádio 1º de Maio e a Cidade Universitária.

A UGT, sob o lema «Emprego com Qualidade», vai comemorar o dia do Trabalhador no Parque da Cidade, em Loures, contando com a actuação da cantora Ruth Marlene.

Mais uma vez as duas principais centrais sindicais vão comemorar o dia dos trabalhadores separadamente, o que é um erro grave.

Somente interesses político-partidários e oportunismos sindicais levam a que esta realidade  aconteça ao longo dos anos, quem ganha com isto é o patronato e o governo neo-liberal do Engenheiro José Sócrates.

publicado por José Manuel Faria às 12:12

Maio 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





Visitas
Visitor Counter
comentários recentes
Se estiver com o pé quieto, eu acerto-lhe sempre n...
Balelas, balelas e mais balelas.
É verdade. O JIC, o J.P. e a Dora sempre trabalhar...
Para padre andou ele a estudar mas só lá esteve 6 ...
Ao anónimo das 22,34Ninguém vos entende!É uma no c...
Ao comentário das 19,41Cllaro que este comentário ...
Oh mirone, o seu pseudónimo deveria ser Mirolho ou...
""Ah, já agora; comi-lhe o cavalo – Xeque Mate!"En...
""Mestre de Avis a 19 de Julho de 2017 às 23:58""A...
Não. Não dá para acreditar. Vamos rezar para que o...
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO