23
Abr 11

 

 

 

 

O Bloco de Esquerda é um partido/movimento da esquerda socialista anti/capitalista que tem como objectivo a instauração do socialismo em liberdade. O BE ao longo dos anos tem cativado milhares de militantes, dezenas de milhares de simpatizantes e centenas de milhares de eleitores.

O BE tem sido uma organização credível e respeitada por uma forte fatia dos portugueses, isso vê-se no comportamento das populações por exemplo nas autarquias onde há organização e cultura política activa. Nos momentos eleitorais autárquicos quer nas grandes “metrópoles” (Lisboa, Porto, Braga, Coimbra, Setúbal ou Aveiro) quer nos outros municípios, o BE sabendo do seu sentido de responsabilidade e da inteligência das pessoas, não entra na rua, nas fábricas ou dentro das casas dos munícipes apregoando que luta eleitoralmente para vencer a Câmara Municipal: sabe da sua equipa, do seu programa, mas também da sua fragilidade e “pede” um Vereador, um Bloquista que denuncie, “investigue” e proponha medidas alternativas ou complementares às do governo local.

Nas legislativas de Junho, o BE sabe ou se não sabe deveria saber (porque o povo sabe) que entra neste processo para eleger o máximo de Deputados e criar um grupo parlamentar que rasgue as vestes do poder. O BE se não seguir esta estratégia e optar por uma mais arrojada – conquista de poder -, tem obrigatoriamente de assumir um programa de governo completo, indicar um grupo de personalidades que torne credível a proposta, assim como, e objectivamente o ou os partidos com quem fará coligação pós/eleitoral. O partido sabe que dificilmente ultrapassará os 10% e os eleitores sabem que isso, é a verdade. Não vale a pena lançar slogans do tipo: “Há Alternativa: Governo de Esquerda” se não for acompanhado com a devida explicação. O povo perguntará?

- Governo com quem?

O PS e o PSD são os únicos partidos que sem demagogia podem afirmar que querem ser governos sozinhos. Esta é a realidade, não vale andar a “brincar” ao faz de conta, neste terrível momento social, principalmente para os trabalhadores, estes querem seriedade, querem propostas credíveis, querem soluções.

Caso o BE insista que luta por um governo de Esquerda, tem de dizer ao povo quem são os “companheiros”, a não o fazer, provavelmente, sofrerá uma derrota. O que seria desastroso para um partido que tem crescido desde a sua fundação.

publicado por José Manuel Faria às 10:42

comentário:
Provavelmente o BE irá recuar nas próximas legislativas, não muito, mas um ligeiro passo atrás. O que não significa de forma alguma que não exista mais espaço para crescer, terá é forçosamente que renovar, um partido ou movimento que se reclama de mudança, não pode apresentar sempre os mesmos rostos, a não ser que pretenda ficar confinado a um eleitorado fixo, tipo Le Penn em França (esqueçamos aqui as diferenças ideológicas). O PCP irá aproveitar para subir ligeiramente, mas os comunistas estão nesse patamar dos partidos que não crescem nem diminuem. O BE poderá voltar a surpreender daqui a algum tempo, e tornar-se quem sabe num player incontornável, por exemplo do PS, mas não será agora o tempo, muito menos seria possível um entendimento entre Sócrates e Louçã... Mas o BE pode ir até um resultado entre 15 a 20%, algures no futuro, será esse o seu patamar máximo, quando tal acontecer, terá que entrar no governo, se existir uma maioria de esquerda no parlamento...
António de Almeida a 23 de Abril de 2011 às 18:44

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





comentários recentes
Novo Rumo com Vitor T, Dinis e Joap poleri. A séri...
VIZELA CIDADE NATAL 2019 | Este ano o verdadeiro e...
Alargar o período experimental para 180 dias foi a...
"Homem pequeno, o Diabo o cagou'", adágio popular!
Dora Gaspar esteve tantos anos no desempenho de fu...
Mais uma vez a liderança da Coligação PSD/CDS-PP a...
Um aumento de despesas com pessoal de 1,7 milhões ...
Volta e meia lá surge uma notícia, plantada num do...
VHS as festas são feitas por ALGUNS funcionários d...
Caiu esse, e depois de Israel aos EUA passando pel...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

12 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO