25
Abr 11

Passos e a mulher apareceram em duas revistas do grupo Cofina

 

 

O Líder do PSD, Passos Coelho, numa tentativa desesperada de “caça ao voto”opta por escancarar a porta da sua família ao “olho popular”, mostrar: a mulher, filhos, casa, gostos - identifica uma estratégia de cativar pela emoção -, torna-o “humano”, um ser igual a nós e, resulta, principalmente na classe trabalhadora.

 

PPC envereda por um caminho oposto ao de Sócrates: este cobre a intimidade com uma carapaça intransponível. Sócrates é o homem só, com um único destino “servir os portugueses”, ninguém sabe com quem acorda, quem são os filhos e não há imagem de sua ex: mulher.

 

Duas posturas antagónicas: a da abertura e a do secretismo. Nesta “matéria”, normalmente as “massas” gostam mais da primeira, a segunda cria, pode criar excessivo mistério, e este não é bom conselheiro para quem procura a aceitação política.

publicado por José Manuel Faria às 10:13

comentário:
Sócrates já abriu uma vez as portas de casa à SIC, foi notícia ainda líder da oposição o safari que fez em África com os filhos, apareceu inúmeras vezes com a sua amiga Fernanda Câncio, que toda a gente afirmava ser namorada. Não aparecem imagens da sua ex-mulher, porque esta legitimamente as recusa, é um Direito que lhe assiste. Passos Coelho comete aqui um erro a meu ver, amanhã pode querer privacidade e não faltará quem lembre que foi ele a abrir as portas...
António de Almeida a 25 de Abril de 2011 às 14:42

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





comentários recentes
ja se pode comentar
Perfeitamente de acordo com os comentários.Anterio...
Decisão sensata...
Ó anonimozeco, além de cobarde rateirinho, demonst...
Não há indignados, revoltados,... Totós, ranhetas,...
Que historia é esta de enriquecimento ilícito? Que...
MINISTRA DA COESÃO EM VIZELAOra ora que coincidênc...
Que se passa Dr. Desde Julho que nada publica no s...
Lamento muito, Zé! Abraço.
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO