03
Dez 11

 

 

 

Os corpos, as pessoas, a vida, a inevitabilidade, a natureza e o infinito...perante o fim.

 

ps: filme do dinamarquês Lars von Trier «Melancholia» («Melancolia») venceu este sábado o prémio de Melhor Filme Europeu 2011.

 

 

 

publicado por José Manuel Faria às 17:33

2 comentários:
Tenho que ver ou comprar quando passar por aí... certamente que obrigatório.
António de Almeida a 3 de Dezembro de 2011 às 17:55

Um dos elementos que mais gosto é o arco dramático dimetralmente oposto que as duas protagonistas percorrem. O filme começa com a instavel Justine e uma Clair segura. No decorrer do filme e consequentemente a aproximação do planeta essas posições são invertidas de modo extremamente subtil e verossímil.
termas a 3 de Dezembro de 2011 às 21:38

Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10





comentários recentes
Já repararam que tudo o que a Câmara faz, apresent...
A Rádio Vizela hoje anda a fazer publicidade com d...
Se FF andou a pagar a sede do Partido lá sabe porq...
O pequenino o Francisco Ferreira andou anos seguid...
Francisco Ferreira sabe que quem tem azia chupa um...
azia !!!!!!!!!!!!.Ele, Francisco Ferreira não conc...
"Quero que conste em ata que a senhora vereadora f...
Segundo ouvi dizer "alegadamente" o Presidente e a...
VHS o trabalho que cumpriram foi fruto do acordo p...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO