12
Out 07

 O MAI esclarece que «a colheita de informações sobre os preparativos de uma manifestação em lugares públicos pública é imprescindível para que a polícia possa preparar o seu dispositivo para o evento para assegurar a ordem e tranquilidade públicas, nomeadamente garantindo a segurança das pessoas, manifestantes ou não, e ordenado o trânsito de pessoas e de veículos na zona».

O Ministério da Administração Interna de Portugal garante da necessidade da Polícia fiscalizar os preparativos (faixas, panfletos, palavras de ordem)  de uma manifestação para garantir a segurança das pessoas.

Era o que a Pide fazia no fascismo: investigar, espreitar, censurar, proibir para garantir a segurança do povo.

Inacreditável!

Adenda: Ministro Teixeira dos santos em propaganda na RTP1, sem contraditório, o pivot fazia as perguntas combinadas.

publicado por José Manuel Faria às 18:23

publicado por José Manuel Faria às 11:30

Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





comentários recentes
E o irónico não é ficarmos com mais uma prova de q...
No jornal de Vizela pode ler-se a opinião de Fátim...
Sinceramente não sei como as pessoas perdem tempo ...
Não detestes, atrás de mim virá, quem bom de mim f...
Das duas três: este Eugénio está armado em ser pro...
Caro senhor professorPode dizer-me que sigla é aqu...
À medida do defunto, como disse o outro.
Uma proposta à medido do jic
Agora são os chineses, antes eram os angolanos.. C
E o Sócrates atirou sobre a Câncio. O que ela prec...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO