28
Nov 08

http://blogexperimental.blogs.sapo.pt/arquivo/cirawl.jpg

Devido a motivos pessoais nunca tinha estado em nenhuma reunião de Líderes da Assembleia Municipal. A matéria em discussão  : um regulamento de um concurso e discussão da ordem de trabalhos para a próxima Assembleia. Dois pontos a resolver rapidamente, demorou 2 horas. Bem empregues.

O curioso da "sessão", é que esta foi extremanente profícua, sadia, civilizada e sem controle de tempo, fez com que o Regulamento fosse aprovado por unanimidade quando à partida tinhamos todos pontos de vista diferentes, com avanços e recuos de todas as partes sem sobranceria ou prepotência de ninguém.

A reunião foi muito bem conduzida pelo Presidente de Assembleia de Vizela.

Uma enorme diferença para o plenário da AMV.

publicado por José Manuel Faria às 13:04

http://www.radio.com.pt/NR/rdonlyres/97AA7447-136B-479A-A2CC-34B881609FFE/3008/PCP.jpg

O PCP dá início hoje ao seu XVIII Congresso. O Congresso é diferente de todos os demais. Apresenta características próprias de organização, eleição de delegados, debate interno, tem uma sessão de porta fechada à Comunicação Social, o órgão máximo entre congressos, Comité Central elege militantes em Lista única quase todos já definidos, do CC sai o Secretário-geral e demais estruturas dirigentes nacionais.

 

O PCP arroga-se ( in Avante) de organizar o congresso mais democrático em Portugal. Discordo.

 

Jerónimo de Sousa disse:

 

"A questão da luta de classes é um dos capítulos. Até o BE dizia que a luta sindical não se justificava mas, depois, o BE correu atrás das manifestações mas ainda bem que veio. O PCP puxou pelas massas e não esperavam ver mais de 100 mil professores em luta, neste cantinho, para defender os seus direitos", afirmou.

"Queremos uma alternativa de esquerda mas uma politica alternativa. Nós já temos uma coligação, a CDU, e é assim que vamos concorrer. Não fazemos entendimentos por um lugar qualquer de secretário de Estado. Para haver convergência, tem primeiro que se definir a politica e haver uma ruptura com a actual".

 

 Uma mentira sobre o BE, e uma arrogância extrema sobre a luta dos professores que a maioria dos docentes discordará. E a unidade de esquerda como sempre é a CDU.

publicado por José Manuel Faria às 10:57

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
E o irónico não é ficarmos com mais uma prova de q...
No jornal de Vizela pode ler-se a opinião de Fátim...
Sinceramente não sei como as pessoas perdem tempo ...
Não detestes, atrás de mim virá, quem bom de mim f...
Das duas três: este Eugénio está armado em ser pro...
Caro senhor professorPode dizer-me que sigla é aqu...
À medida do defunto, como disse o outro.
Uma proposta à medido do jic
Agora são os chineses, antes eram os angolanos.. C
E o Sócrates atirou sobre a Câncio. O que ela prec...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO