11
Jun 10

publicado por José Manuel Faria às 22:58



"José Sócrates mantém que "disse exactamente a verdade no Parlamento", que "não sabia, não estava informado, não tinha nenhum conhecimento " da intenção da PT em adquirir uma posição na TVI, acusando João Semedo, relator, de "distorção dos factos" e de "pouca seriedade"."

 

Só há uma solução: Pacheco Pereira abrir as Escutas ao Povo. O PM anda a gozar!! E os Deputados não devem temer as ameaças.

publicado por José Manuel Faria às 19:34



As instituições/organizações sociais, políticas ou de outra índole têm as suas normas/regras que servem para que o seu funcionamento seja o mais transparente possível.

Por vezes há dúvidas de interpretação, equívocos ou erros que acontecem e obviamente devem ser analisados e explicados. Estas realidades são normais e mostram democracia.

Estes factos de modo algum beliscam a democracia interna das organizações, aliás, podem provocar efeito contrário, demonstrarem de facto a sua democracia interna. É claro que o mais fácil é a hipocrisia do faz de conta que não existe nada e varrer os problemas para debaixo do tapete.

O comentador quinzenal da Rádio Vizela, o sr. Carlos Alberto Costa, admira o sossego tanto fora como dentro dos partidos, admira a crítica dita muito baixinho para não estalar o verniz do poder qualquer que ele seja, deu para apreciar os seus quatro anos de oposição.

Caro CAC em Democracia o “barulho” só incomoda os acomodados.

As divergências/dúvidas/questionamentos não são trapalhadas, inconsequências ou descredibilização. E não será pelo sr. Bater no Bloco de Esquerda que este partido em Vizela não crescerá, antes pelo contrário.

publicado por José Manuel Faria às 13:54

publicado por José Manuel Faria às 10:46

Nova sondagem aponta o PSD como virtual vencedor em legislativas. Quer dizer, a esquerda “mete” 300 000 na rua, tem 31 deputados e fortes sindicatos, e mesmo assim não consegue capitalizar o descontentamento social. Situação estranha que só pode ser compreendida à luz do feroz capitalismo da imagem, da marca ou do invólucro. A alternativa de direita, protagonizada em Passos Coelho, é altamente prejudicial aos trabalhadores: ataque ao SNS, ataque ao Código de trabalho e defesa da privatização de quase tudo que mexe, e cresce. A alternativa de esquerda luta pelo contrário, e não vê feedback. Os portugueses estarão mesmo sintonizados com a realidade ou perdoam catolicamente os prevaricadores. Isto deve ser efeito da bola!

publicado por José Manuel Faria às 10:30

Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
O PSD /Jorge Pedrosa não faz campanha?Será que o ...
"Da meia noite até às 18h00 de sábado estará encer...
Qual será a razão da RC ser por vídeo conferência?...
ja se pode comentar
Perfeitamente de acordo com os comentários.Anterio...
Decisão sensata...
Ó anonimozeco, além de cobarde rateirinho, demonst...
Não há indignados, revoltados,... Totós, ranhetas,...
Que historia é esta de enriquecimento ilícito? Que...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO