18
Dez 10

 

Manuel Alegre como candidato de Sócrates não beliscou o governo e culpou os mercados e Cavaco pela situação sócio/política actual como se não tivesse sido deputado do PS durante quatro anos.

 

Francisco Lopes teve uma oportunidade de ouro para crescer eleitoralmente, captando votos de indecisos da esquerda, preferiu mostrar suavemente as diferenças para Alegre: orçamento/euro/ UE. Poderia incisivamente colar Alegre ao neoliberalismo “socialista” e às agendas dos capitalistas “amigos” do PM.

 

Em vez de um jogo Benfica/Sporting assistimos a um “amigável” preocupados com o FC Porto.

 

Por cada vez que criticavam quem não jogava (Cavaco), mais este crescia em protagonismo. E por consequência amealhava votos.

 

As críticas acérrimas que se têm de fazer a Cavaco são quando ele estiver em confronto. Assim, quem votava Francisco Lopes não altera o voto, o mesmo acontece aos “fiéis” de Alegre. Nem um nem outro combateram a abstenção e os indecisos e serão estes que ditarão a existência ou não de segunda volta.

publicado por José Manuel Faria às 23:13

publicado por José Manuel Faria às 18:31

Um debate na rádio Vizela entre os responsáveis do PS/BE/Coligação aguerrido à volta do Orçamento/2011: Três estilos, três modos de explicitar os seus pontos de vista, três programas/ideias diferentes – bem/vindos. Gosto de debates “quentes” sem ofensas pessoais.

 

 

- Vítor Cunha: BE// 14; (ruptura com as políticas actuais )

- João PolerY: PS//13;  (defesa consistente do executivo )

- Miguel Lopes: Coligação//12 ( aguerrido, falhou na não apresentação de propostas )

 

- Não há funcionários a mais na Câmara Municipal, há a menos, sim é verdade.

 

ps: Quem deveria ter estado no debate: Dinis Costa (PS), Francisco Ribeiro (PSD), Cidália Cunha (CDS) e Vitor Cunha (BE) para sermos coerentes// Líderes dos partidos representados na AMV.

publicado por José Manuel Faria às 13:00

publicado por José Manuel Faria às 10:53

"O tempo apagou-lhe os ressentimentos, mas assume que manteria a atitude que tomou na altura como líder do PS/Porto,  de retirar o o apoio à autarca. "Não teria ido a Felgueiras nessa noite se me tivessem dito que os ânimos estavam tão exaltados. Hoje, olho para tudo o que aconteceu com alguma complacência. Fátima Felgueiras sentia-se injustiçada e, afinal, foi uma grande presidente de Câmara".

 

JN

 

Concordo com Assis, um santo seria um mau político, mas, para se ser uma pessoa séria, competente, fiel aos seus princípios e cumpridora do serviço público, não necessita de ser santo. Sempre vi Assis como um socialista de esquerda e antítese por exemplo de Lello & Vitalino. Actualmente, Assis desilude: chefe da orquestra parlamentar pró/Sócrates (não devia ter aceite), dependente das ideias/medidas do PM, liberal na economia e guardião do sistema. Assis foi único a aceitar debates frontais de "esquerdas" na era pré/fev/2005, defensor do concelho de Vizela contra lobbys pró/vimaranenses, pensador/filósofo social - democrata de esquerda, por vezes lançou pontes/abriu janelas à sua esquerda foi uma ovelha livre no rebanho PS, hoje é pastor de clones "socráticos". O poder "corrompeu" mais um. A prova, são as suas prestações semanais no "contraste" programa da SIC n ( 3ª feira às 23 h ) com Morais Sarmento, este, por vezes ultrapassa -o pela esquerda, extraordinário.

publicado por José Manuel Faria às 10:04

Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





comentários recentes
RV, Francisco Ferreira responde a Dinis CostaSó qu...
Bom dia.Vocês por favor esclareçam me o seguinte:A...
O Carlos Alberto será que já está incluída a filha...
Estatura baixa ou não, no final das adições subtra...
Tive a curiosidade de ver o Faceboock do Professor...
Realmente, não celebrou o 1º vai celebrar o segun...
-Sr. Anónimo, eu não sei de nada da correlação da ...
A Câmara de Vizela está mesmo bem de finançasQuem ...
Outra festa, agora é para assinalar o 2º aniversár...
Oh Guri.De braço dado com a tua querida até andas ...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

12 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO