03
Mar 11

publicado por José Manuel Faria às 23:35

 geraçãoàrasca

 
"(IP: 188.83.187.68) disse sobre Kadhafi na Quinta-feira, 3 de Março de 2011 às 19:54:

 

     

estranho ou não?!

Isto sobre a manifestação do próximo dia 12!

Fiquei surpreendido pelo "Espaço Jovem de Vizela" ter declinado um simples comentário de divulgação à manifestação da "Geração à Rasca"!
Pela imprensa local, e mesmo pelas Juventudes partidárias, o tema não tem sido levantado! estranho! acho eu!

O Bloco (sénior!?) ainda meteu umas faixas insultuosas para a juventude ("casinha dos pais")! errou, deu um tiro no pé! Assim vai ser mesmo uma ovelha negra!

A coligação, http://vizelaparatodos.blogspot.com/2011/03/protesto-da-geracao-rasca.html , ainda demonstrou estar atenta mas sem tomar uma posição!

Valha-nos o Ruptura para mandar uns bitaites!"


PCP na Manif

publicado por José Manuel Faria às 21:06

 

Corta/Fitas

publicado por José Manuel Faria às 19:19

 

Importante Ler este excelente texto de Daniel Oliveira sobre a Angola "democrática": http://arrastao.org/2190781.html

 

 

publicado por José Manuel Faria às 18:45

 

"Na sequência de vários testemunhos que nos têm feito chegar, relatos que dão conta da situação insustentável que o actual modelo de avaliação desempenho docente está criar nas escolas: um processo que multiplica inúmeras burocracias, consome tempo e energias que deviam ser direccionadas para os alunos, cria problemas e conflitos onde não existiam… que em nada contribui para resolver problemas que de facto existem ou melhorar o trabalho das escolas, o Bloco de Esquerda apresentou na Assembleia da República um Projecto de Lei que propõe a suspensão do actual modelo de avaliação e a discussão de um novo modelo. Essa discussão e votação está agendada já para dia 25 de Março.

 

Muito brevemente, propomos:

®    um modelo integrado que parte de objectivos definidos pelos diferentes órgãos de coordenação científica e pedagógica;

®    um modelo integrado que avalia o desempenho docente no quadro da avaliação das escolas;

®    um modelo que articula a avaliação interna com a avaliação externa, que valoriza a auto-avaliação das escolas e dos professores e a concilia com instrumentos que garantem a independência do processo;

®    um modelo que alivia as escolas, ao colocar a avaliação de desempenho docente individual apenas no momento de transição de escalão da carreira;

®    um modelo que valoriza o desempenho das melhores escolas e dos melhores professores e que previne e corrige os problemas;

®    a discussão desta proposta pressupõe a suspensão do actual modelo de avaliação de desempenho."

publicado por José Manuel Faria às 11:28

 

 

"Longe vai o tempo em que o regime líbio se caracterizava pelo anti-imperialismo. Há anos que predomina a colaboração económica, mas também política e entre serviços secretos, com as potências imperialistas. Hoje Kadafi colecciona inimigos entre as forças progressistas do mundo árabe e Médio Oriente. Mas a sua colaboração com o imperialismo não impede que este o sacrifique. A intervenção imperialista – já em curso – não resulta apenas dos enormes recursos energéticos da Líbia, que detém as maiores reservas petrolíferas em África. São também a tentativa do imperialismo retomar a iniciativa, instalando-se militarmente num país que faz fronteira com o Egipto e a Tunísia, lançando um aviso a outros levantamentos populares em curso no mundo árabe (do Iémene ao Bahrain, sede da V Esquadra Naval dos EUA), aliviando a pressão sobre os seus aliados em perigo (daí o entusiasmo da Al Jazeera e da Al Arabiyapela Líbia), a começar pela Arábia Saudita, uma das mais bárbaras ditaduras pró-EUA e peça central da dominação imperialista da região, centro promotor do fundamentalismo mais retrógrado e reaccionário, mas sempre poupada pelos «comentadores» de serviço."

 

Jorge Cadima

publicado por José Manuel Faria às 10:04

 

"Sobre a ausência deste ano justifica: «Vou estar em Macau e Hong Kong, não vou estar cá no 19 de Março». À pergunta do ddV se estaria presente nas comemorações caso estivesse em Portugal, Francisco Ferreira respondeu taxativamente: «Não». E porquê? «Os vizelenses sabem porquê!»

 

O ex-Presidente da Câmara não esteve, por vontade própria, nas comemorações municipais do ano passado nem aceitou um convite verbal que lhe terá chegado para uma hipotética homenagem no Dia do Concelho.

 

Este ano volta a estar ausente, pelo segundo ano consecutivo.
Frequentemente, Francisco Ferreira janta com autarcas e outros políticos do PS, seus amigos e comparece em diversos eventos públicos não promovidos pela autarquia ou pelo Partido a que presidiu."

 

 - O ex. Presidente de Câmara de Vizela tem de ter fortes razões para explicar tamanha decisão.

publicado por José Manuel Faria às 09:29

Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
quem paga tanta festa?
Faço MEA CULPA!Se eu soubesse que este terra ia vi...
Prof.Tem de arranjar motivos para ter likes e come...
Desta vez o que disse o homem de errado?!
Bem... PS... PS... somente quem não anda atento......
Pelo que vejo gosta de chafurdar e portanto para s...
Ó sr. anónimo das 08:56.Há um tempito que não apar...
as mesmas que nos últimos 8 anos!!!!!!!!!!!!!!!
tantas como nos anos anteriores
E está muito bem não faz falta nenhuma, boas féria...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO