16
Dez 11

publicado por José Manuel Faria às 10:21

 

 

A sessão  Assembleia Municipal de Vizela de 28 de Dezembro tem um ponto fundamental para 2012: PONTO N.º2.1 DA ORDEM DE TRABALHOS: PROPOSTA DE DOCUMENTOS PREVISIONAIS – OPÇÕES DO PLANO E ORÇAMENTO.

 

Depois da respectiva discussão – a votação será: 16 votos a favor; 10 votos contra e duas abstenções dos 28 membros da Assembleia: do PS; PSD/CDS e BE e do PSD/CDS. Nesta Assembleia é prática normal os membros por inerência (presidentes de junta) da oposição não votarem contra a proposta do executivo; o principal e, provavelmente único motivo: o receio a represálias – não apoiar actividades sociais/culturais e castigar a freguesia quanto a obras por mais simples que sejam – pela Câmara Municipal.

 

Esta atitude (medo) política paroquial deve ser denunciada e criticada, porque estamos no sec: XXI (37 anos após/Abril) e engana os eleitores. Mais, o PS não necessita dessas abstenções!

publicado por José Manuel Faria às 09:58

Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10





comentários recentes
Alguém pode informar o porquê da RC não ser presen...
Alegadamente quem sabe se é desta vez que o AG vai...
Realmente na politica o que hoje é verdade amanhã ...
Achei muito interessante atualmente esta sua posta...
Venho aqui fazer o apelo para que os responsáveis...
Não interessa se é verdade se é mentira,!!!!!!!!!!...
Fez muito bem a Sr.ª Vereadora Fátima Andrade, par...
Estupefacto com o que diz o Vereador Eugénio Silva...
Professor Carlos Alberto há duvidas que o VHS é o ...
Ajuntamentos não, mas para apresentar o autocarro ...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO