02
Fev 16

 

publicado por José Manuel Faria às 20:07

"Os argumentos do Governo sobre o saldo estrutural não convencem a Comissão Europeia, que se prepara para pedir a revisão do esboço do Orçamento do Estado para 2016. O Executivo continua convicto de que vai conseguir uma ponte de entendimento com as autoridades europeias, mas em Bruxelas o sentimento de desconfiança cresceu e começa a haver a convicção de que é preciso encostar o país à parede, até para que António Costa consiga depois negociar com os partidos de esquerda um Orçamento mais duro do que o prometido

O esboço do Orçamento português vai ser debatido hoje, na reunião semanal no colégio de comissários, de onde deverá sair a indicação para o Governo rever o documento, num prazo máximo de três semanas.
A decisão final pode resvalar até sexta-feira, se Bruxelas quiser dar mais algum tempo à troca de informações com Lisboa e esperar pela publicação das previsões económicas de Inverno, na quinta-feira, para ter uma base para se pronunciar. Mas a indicação é de que o documento tem de ser revisto: as divergências são tão grandes, que não há muita margem para negociar."

Diário Económico

publicado por José Manuel Faria às 10:23

Fevereiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





comentários recentes
O PREÇO DE QUEM NÃO OBEDECE A VICTOR HUGO SALGADO:...
Anónimo de 5 de Dezembro de 2019 ás 13:11Comentári...
Vizela parece uma aldeia, que pirosice, TVI ao dom...
Na minha viagem pelo Faceebook sobre a venda do CA...
Sr, Anónimo vai ver que se fosse na CASA do PARK n...
Muito bom mesmo,ahahahahahahahahhah
Desde quando um almoço numa cantina é notícia na c...
O JANTAR DE NATAL DA CÂMARA FOI NO MUSEU DOS BOMBE...
Almoço na Polopique Victor Hugo Salgado, president...
OS lions???? pelo menos no peditório da luta conta...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

12 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO