30
Abr 17

 

Até onde é que irá a paciência da CGTP? Tem um timing na sua cabeça? Tem calendarizado o limite da paciência da Central Sindical?

A paciência? A paciência vai depender, também, daquilo que é a disponibilidade da outra parte para avançar com propostas. Pela nossa parte, o que nós dizemos é isto: nós não estamos interessados em procurar a conflitualidade, mas não rejeitamos e, muito menos, fugimos do confronto se a isso formos obrigados. Portanto, não queremos que este processo político que, entretanto, foi encontrado possa trazer problemas. Agora, o que queremos é que este processo evolua e, para evoluir, nós estamos numa fase que é muito simples: isto teve um início e, agora, estamos a chegar a um rumo que tem uma bifurcação. Estamos a chegar ao momento da clarificação. E, nesta bifurcação, das duas uma: ou não se avança ou avança-se e, para se avançar, é para a esquerda. E nós queremos que isto vá para a esquerda. Aliás, porque temos razões acrescidas do ponto de vista moral, mas não só, do ponto de vista político, para demonstrar à União Europeia e a todos os outros que, afinal, ao contrário do que eles diziam, aqui é possível fazer um bocadinho diferente. E se o povo português quiser - e eu acho que quer - ainda é possível fazer muito mais e demonstrar, quer à União Europeia, quer a outros, que há alternativas. Há outras alternativas e é possível lá chegar. Agora, para que haja alternativas, nós precisamos também resolver outros problemas. Portanto, a questão da dívida...

publicado por José Manuel Faria às 11:48

29
Abr 17

 

publicado por José Manuel Faria às 13:10

Agostinha Freitas:"Vizela Sempre" - 12;

João Polery: PS- 14;

José Abreu - PSD/CDS -12;

António Monteiro - PCP - 10;

João Paulo Monteiro . BE- 10.

publicado por José Manuel Faria às 12:56

Agostinha Freitas:"Vizela Sempre" - 14;

João Polery: PS- 13;

José Abreu - PSD/CDS -12;

António Monteiro - PCP - 11;

João Paulo Monteiro . BE- 11.

publicado por José Manuel Faria às 12:01

publicado por José Manuel Faria às 11:24

28
Abr 17

  - Porque é que Hamon do PSF não desistiu para Mélenchon:

O que parece é que os socialistas tiveram mais receio de Mélenchon que de Le Pen.

publicado por José Manuel Faria às 19:06

 

publicado por José Manuel Faria às 17:40

publicado por José Manuel Faria às 12:00

 

PS; PCP, PEV e BE não participam no debate: hipocrisia política.

 - quem quiser ir ao Santuário de Fátima tira um dia de férias.

 - Segundo a TSF, 77% da população são contra a tolerância de ponto.

publicado por José Manuel Faria às 11:18

27
Abr 17

"Se a coisa está ao nível de comparar comportamentos e humanizar animais, eu já ouvi falar de cães que mordem e matam pessoas, mas nunca ouvi falar de cães que esfolam pessoas vivas atam os corpos delas com arame farpado e depois as cozem lentamente para fazer sopa afrodisíaca apreciada por canídeos de meia idade.

Querem mesmo falar em raças perigosas?

Olhem-se ao espelho, contemplem o mais perigoso dos animais que alguma vez caminhou neste planeta."

Paulo Mendes

publicado por José Manuel Faria às 22:08

26
Abr 17

https://aventar.eu/2017/04/27/uma-decisao-vergonhosa-de-um-governo-ridiculo/#comments

publicado por José Manuel Faria às 19:39

"A esquerda macronista está furiosa porque percebeu que nem todos persistem no erro de continuar a escolher entre o vírus e a bactéria. Irados, lembram com saudade os tempos em que quase todos acorreram a apoiar Chirac sem hesitações. Infelizmente não olham para dentro de si próprios para perceber que foi a sua insistência em apoiar Hamon, ou outras variações do fracasso do bipartidarismo, que deixou a esquerda órfã de escolha. Menos chantagem e mais auto-crítica fazia mais para combater Le Pen e o fascismo do que a histeria pragmática que nos pretende impor escolhas quando não se construíram, conscientemente, alternativas. Continuar a combater o fascismo nacionalista com o fascismo liberal já só convence a elite demo-liberal que sabe que a única diferença entre ambas as ditaduras é que a segunda conserva o seu lugar ao sol. A mudança da maré da opinião pública neste aspecto é, a par da falência do bipartidarismo, a segunda boa notícia do resultado das eleições, em França. Agora, a única escolha que os franceses verdadeiramente têm é a de tornar ingovernável a ditadura, seja ela dirigida por Le Pen ou por Macron."

renato teixeira

publicado por José Manuel Faria às 11:54

 

publicado por José Manuel Faria às 11:37

 Agostinha Freitas: Deputada Municipal.

Fernando Carvalho: Presidente de Assembleia Municipal.

 

publicado por José Manuel Faria às 11:21

25
Abr 17

 Descer a Avenida com bandeiras da União Europeia (da actual UE reaccionária/irreformável) é o culminar do desvio de direita do LIVRE.

publicado por José Manuel Faria às 23:19

 

publicado por José Manuel Faria às 19:22

 

publicado por José Manuel Faria às 12:55

 

publicado por José Manuel Faria às 11:36

 

 

publicado por José Manuel Faria às 10:57

24
Abr 17

"um tozé seguro com melhor imagem e mais trendy"

 

https://aventar.eu/2017/04/24/macron-2/#comments

publicado por José Manuel Faria às 21:00

Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
Que declarações foram?
Muito Conveniente esta Ausência dos Senhores Jorna...
muito boa descrição de tachos!Só se esqueceu de di...
Sr. anónimo desde quando os funcionários da câmara...
Já agora! Peditorios? Uma coisa é deixar as estagi...
Não sejam maus, se faz porque faz, se não faz porq...
Pois! Os Drs no passeio com o mister presidente e ...
Nos postos médicos ja à algum tempo que eles tem o...
Ó mas isso ainda agora é assim, nas fotografias es...
Ó Victor Hugo andas a pagar a pessoal para andar c...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO