23
Abr 17

 

publicado por José Manuel Faria às 19:08

"(...)O PCP, porque está seguro da sua independência de classe e confia nas massas, não receia convergências e acordos desde que, como no caso da posição conjunta com o PS, tal seja do interesse dos trabalhadores, do povo e do País. O PCP conhece experiências positivas e negativas na história do movimento comunista em matéria de política de alianças e sabe que elas só podem favorecer o desenvolvimento da luta quando salvaguardam a completa independência política, ideológica e organizativa do partido comunista. E quando, intervindo no imediato não se perde de vista a perspectiva e se não confunde táctica e estratégia.

Sim, na etapa actual da revolução portuguesa, o PCP luta por transformações progressistas profundas sem colocar como tarefa imediata a luta pelo socialismo, o que nada tem de ilusão reformista. Porque a questão nunca foi a de procurar mudanças no quadro de um sistema capitalista. Esse é o sentido imediato da resistência e da luta quotidiana dos trabalhadores que, claro, o verbalismo menospreza. A questão é procurá-las nos limites do capitalismo sem uma perspectiva e uma linha de intervenção revolucionária. Se se confunde governo com poder, se se cai numa linha eleitoralista e não se tem em conta que as massas – a sua organização e mobilização – são o factor determinante do processo de transformação social, se se ignora que sem a transformação da base económica e social não é possível consolidar mudanças positivas no plano político e, sobretudo, se se perde de vista que o Estado é a questão central de cada revolução, resvala-se inexoravelmente para a adaptação ao sistema, a claudicação e a traição.(...)"

Albano Nunes

publicado por José Manuel Faria às 18:41

Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
RV, Francisco Ferreira responde a Dinis CostaSó qu...
Bom dia.Vocês por favor esclareçam me o seguinte:A...
O Carlos Alberto será que já está incluída a filha...
Estatura baixa ou não, no final das adições subtra...
Tive a curiosidade de ver o Faceboock do Professor...
Realmente, não celebrou o 1º vai celebrar o segun...
-Sr. Anónimo, eu não sei de nada da correlação da ...
A Câmara de Vizela está mesmo bem de finançasQuem ...
Outra festa, agora é para assinalar o 2º aniversár...
Oh Guri.De braço dado com a tua querida até andas ...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

12 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO