19
Dez 18

O comissário europeu para os Assuntos Económicos disse, esta terça-feira, que a França não será sancionada se o défice público ultrapassar os 3% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019, mas pediu que o Governo “seja sério no futuro”.

Venham daí as luminárias dissertar sobre as virtudes de um número, 3%, escrito nas costas de um guardanapo, para tapar a boca dos opositores, e sobre o desígnio da austeridade saudável. E recorde-se a chantagem do défice, qual guilhotina pronta a cortar a credibilidade financeira, tão presente como arma de arremesso quando a geringonça se estava a constituir com alternativa ao governo daquele se sentou em Salazar.

Não é a primeira vez; regista-se mais esta iteração da história dos porcos que são mais animais do que os outros.

“Sério”, diz o farsola. Façam-se, depois, machetes sobre o inacreditável crescimento dos populistas.

Aventar

publicado por José Manuel Faria às 12:10

Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
Se o bifinho for jeitoso e abaixo dos 40 anos, eu ...
É verdade, é o Presidente Marcelo a nível nacional...
“Hoje prova-se que Vizela não é só festa.Blablabla...
O MAS formou-se como novo partido entregando 9 000...
...e até já passou pelo FCVizela, em 2006/07 como ...
É mais antigo, então esqueceu-se da Ruptura FER...
Sem esquecer o Toucinho do Céu do convento de Odiv...
PS está contra a construção da Casa da Cultura”.V...
Tirando o Bolinhol não conheço, mais nenhum.Onde f...
Europeias 2019, MAS 9 votos, será que nas Legisla...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO