17
Ago 13


vamos lá ver: mas que sentido faz proibir um candidato no concelho que "governa" há 12 anos e, em seguida, ser presidente durante 4, no concelho vizinho, podendo voltar a ser candidato no primeiro logo depois. Um presidente de autarquia pode continuamente sê-lo com interrupção de um mandato. Faz 12, pára 4, faz 12, pára 4, faz 12 pára 4. Um tipo pode em 48 anos ser presidente em Vizela durante 36. Mas que interessante limitação de mandatos.

publicado por José Manuel Faria às 12:18

4 comentários:
Claro que há interpretações para todos os gostos. Ou, melhor dizendo, para todas as conveniências.

Na verdade, a Lei não pretende limitar mandatos mas, tão só, quebrar a eventual dependência dos eleitores em relação a alguém, ou a um poder, que durante mais ou menos tempo usou – ou não – a sua posição para se alojar no espírito de uma maioria acrítica como o “melhor”.

Este hiato de um mandato não será suficiente para “acordar” os dependentes?

Porque esta Lei é essencialmente antidemocrática, tal hiato deve ser o mais curto possível e só se entende em nome do reconhecimento de que há – e haverá ainda por muito tempo – um número demasiadamente alto de eleitores “inconscientes” (valorize-se as aspas).

A avaliar por algumas decisões já vindas a público a questão será provisoriamente decidida pela roleta e irá ser considerada inteligentíssima por alguns e estúpida por outros.

Júiz de fora a 17 de Agosto de 2013 às 15:43

Se a lei é "anti-democrática" como escreve, porque acha que NENHUM partido votou contra ela?
Anónimo a 18 de Agosto de 2013 às 01:31

No meu comentário está perfeitamente expressa a razão que tenho por boa. Mas não se admire pois há outras Leis que são “essencialmente” antidemocráticas mas que se aceitam, provisoriamente, em nome de razões consideráveis aceitáveis por circunstancialismos ocasionais.

E não é o facto de todos os partidos votarem favoravelmente uma Lei que a torna verdadeiramente democrática. Esse facto só nos obriga a cumpri-la se outro poder mais alto não se levantar.

Foi sempre assim! Em democracia, mandam todos mas em momentos diferentes e em doses diferentes.
Júiz de fora a 18 de Agosto de 2013 às 18:18

Só para informar que o PCP votou contra a lei de limitação de mandatos.
Cumprimentos
Torcato Ribeiro a 20 de Agosto de 2013 às 02:36

Agosto 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



29
30
31


comentários recentes
Convém lembrar que o turismo tem um técnico Superi...
VHS só uma pergunta simples,Quantos funcionários s...
Quim Barreiros e Expensive Soul nos festejos do 19...
Victor Hugo Salgado oficializa recandidatura em ma...
Se para festejar o dia do concelho são precisos ta...
AG até se entende que ao falares no passado não f...
Cada vez que leio o RV nem sei que diga em sei que...
283.000 pensionistas têm penções miseráveis, isso ...
São os memos argumentos da Opus Dei....
"Victor Hugo Salgado respondeu, mas antes voltou a...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO