09
Fev 08

Politicamente, este é o factor mais interessante da actual realidade política portuguesa, porque a oposição tem dois rostos: Alegre e Carvalho da Silva. Os outros, por enquanto, não se vêem.

João Marcelino, DN

O Díário de Notícias está cada vez mais pró-governo. Os fretes são muitos. Esta frase é elucidativa. Não há oposição ao governo. O PCP vai organizar sózinho uma manif a 1 de Março. O BE recolhe 100 mil assinaturas para defender o SNS. Estes partidos têm desgastado o governo todos os dias, só os mais facciosos é que não vêem.

Dizer que Alegre é um rosto da oposição é a maior falácia desta legislatura, não basta dizer que não se revê neste PS, dar uma entrevista ou outra parecendo do contra e na hora H, baixar a cabeça a Sócrates, sobre o referendo foi mais uma abstenção. Alegre não é consistente. É um tipo do faz de conta que é do contra.

Carvalho da Silva é um bom líder sindical, a CGTP sem ele fica fragilizada, esta teve muitos êxitos , não esquecer que sem os trabalhadores comunistas, bloquistas, independentes e muitos socialistas não havia Carvalho da Silva  "mestre". Ele não é um líder de oposição, ele é um líder Sindical.

Interessa ao governo e a Marcelino desviar as atenções.

Alegre que crie o seu partido e depois veremos. Um novo PRD? Marcelino de política percebe nada.

publicado por José Manuel Faria às 10:56

Fevereiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





comentários recentes
Das duas três: este Eugénio está armado em ser pro...
Caro senhor professorPode dizer-me que sigla é aqu...
À medida do defunto, como disse o outro.
Uma proposta à medido do jic
Agora são os chineses, antes eram os angolanos.. C
E o Sócrates atirou sobre a Câncio. O que ela prec...
É uma vergonha.Professor José Manuel Faria.Não pub...
Como está o PS Vizela!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Mete dó,...
Bem prega Frei Tomás....
Falta acrescentar o nome de outro possível visado ...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO