14
Jul 08

Eles, como todas as Testemunhas, pregam: Deus não é três pessoas para os que seguem Jeová, cristãos não trinitários que diferem dos outros por recusar a terceira trindade ("o Espírito Santo não é pessoa no céu, como Deus e como Cristo"). São os Oliveira, são de Leça da Palmeira, vivem como os outros o estigma do sangue - não aceitam transfusões, nem sob risco de morte. Porquê? Porque as transfusões violam a santidade do sangue e isso levou-os a um pacto de lei.

 

Há uns senhores, nunca vi mulheres ( não sei se estas não podem pregar!),  engravatados, jovens, maduros e idosos que batendo de porta em porta pregam a religião Testemunhas de Jeová quer faça chuva ou sol. Têm uma fé inabalável no que dizem, são simpáticos, distribuem revistas, esforçam-se para serem convictos. A sua vontade impressiona, parecem não pensarem em mais nada. O que conta é a sua Fé.

 

Já estive numa cerimónia Jeová, e assustou-me a robotização dos mesmos na procura da página sagrada num folhear ritmado da palavra do seu Deus. Silêncios introspectivos, coros organizados, debitando frases bíblicas levadas ao extremo da seriedade e da crença. Fiquei espantado por tamanha crença, há quem lhes chamem fundamentalistas, se são, problema deles, o importante é respeitar as diferenças.

publicado por José Manuel Faria às 09:40

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
Bem a pensar assim a Praça, (Lameira)deveria ainda...
Os únicos preocupados são:O Eugénio e a Dora, o Eu...
Há por aqui comentários de pessoas a soldo dos que...
de Março Essa alternativa (nunca chegou a ser pro...
A qual eng ) Ao Porta Chaves
Este artista tem a voz do dono. E nasceu na Praça ...
É só olhar para a fotografia deste" poeta" que se ...
Hotel sul americano, já teve só dois andares, Casi...
Depois de ler este artigo, fiquei a perceber que n...
Parece que não re4spondeu ao que lhe perguntaram. ...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO