11
Abr 09

 

 

 

O MRPP é o partido mais estranho do nosso leque político. É uma organização comunista marxista-leninista-maoista que não se vê nas lutas sindicais nas empresas ou nas ruas. Desconfiam da CGTP e organizam o seu 1º de Maio num restaurante. Aparece nos momentos eleitorais, todos, o que denota uma atitude pouco revolucionária, a insistência na entrada no mundo burguês representativo. Capta em eleições nacionais entre 35/40 mil votos e beneficia nas autárquicas do elevado nº de eleitos para a Assembleia Municipal, tendo 1 eleito em Guimarães, creio que desde 2001. Necessita de pouco mais de mil votos. O seu símbolo ajuda, principalmente nos comunistas mais idosos. Nunca Percebi, e até hoje, ninguém me conseguiu explicar as razões que levaram o Tribunal Constitucional a legalizar um partido com símbolo igual ao do PCP. Quando a coligação eleitoral POUS/PST arrecadou mais de 80 mil votos nas legislativas de 1980, o PS pela mão de Mário Soares tratou de eliminar os símbolos dos dois partidos e conseguiu .

 

Assim, as medidas imediatas que a Candidatura do PCTP/MRPP ao Parlamento Europeu deve defender no quadro da crise actual, são as seguintes: Proibição dos despedimentos; Semana de 30 horas de trabalho, sem perda de remuneração; Instituição de um salário mínimo europeu; Aumento geral de salários, com forte diminuição dos leques salariais; Nacionalização das grandes empresas que se recusem a aplicar estas medidas; Apoio estatal às pequenas e médias empresas que não reúnam condições para aplicar estas medidas; Elevação dos impostos sobre os rendimentos do capital e as grandes fortunas, e diminuição dos impostos sobre o trabalho; Instituição de um controlo rigoroso por parte dos trabalhadores e das suas organizações sobre a produção e a comercialização dos produtos; Garantia, por parte do Governo, de todos os depósitos bancários até um montante de 100.000 euros;  Lançamento de grandes projectos de investimento público, designadamente nas áreas da saúde, da educação, da energia, dos transportes e das vias de comunicação.

In http://www.pctpmrpp.org/index.php?option=com_content&task=view&id=105&Itemid=1&limit=1&limitstart=1

in : original em: http://eleicoes2009.info/

publicado por José Manuel Faria às 16:50

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





comentários recentes
Parece que não agradou o comentário...
Ufa...Ufa... professorEstava ficar desesperadoNão ...
Quem me dera ser funcionário público!
Coitados dos funcionários públicos (em geral) foss...
O que faz na foto , o dirigente do partido da dire...
o executivo deve mandar ás malvas os P.SS.Estão pr...
Está bem, não foi a Câmara, mas foi a Junta, que v...
Cá para mim, esta foi uma manobra de diversão para...
E o irónico não é ficarmos com mais uma prova de q...
No jornal de Vizela pode ler-se a opinião de Fátim...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO