07
Mai 09

 

A  Entrevista à CDU:

 

 RVJ – Já afirmou que é sua intenção continuar a debater, na AMV, os problemas da população. Contudo, enquanto deputado, tem-se remetido já há algum tempo ao silêncio. Porquê, perguntará o eleitorado?

AM – Qualquer ideia que apareça na AMV para contrapor as questões que estão em discussão é, única e simplesmente, colocada para o lado.

 

AV – Isso chama-se arrogância política e prepotência.

AM – As ideias [da oposição] são rejeitadas ou alvo de risota.

 

RVJ – É por isso que não tem feito uso do tempo que na AMV lhe está destinado?

AM – Obviamente. Não me quero sentir como um “anfitrião de teatro”. Para ser alvo de risota, é melhor remeter-me ao silêncio, porque se calhar no silêncio, acabo por dizer mais.

publicado por José Manuel Faria às 11:35

Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9






comentários recentes
Que declarações foram?
Muito Conveniente esta Ausência dos Senhores Jorna...
muito boa descrição de tachos!Só se esqueceu de di...
Sr. anónimo desde quando os funcionários da câmara...
Já agora! Peditorios? Uma coisa é deixar as estagi...
Não sejam maus, se faz porque faz, se não faz porq...
Pois! Os Drs no passeio com o mister presidente e ...
Nos postos médicos ja à algum tempo que eles tem o...
Ó mas isso ainda agora é assim, nas fotografias es...
Ó Victor Hugo andas a pagar a pessoal para andar c...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO