29
Set 09

 

A unidade fabril denominada Mosvipo é responsável pela marca de água de nascente Cristalina, comercializada no mercado nacional, e emprega 45 trabalhadores.

O empreendimento é uma aposta do grupo empresarial português Mostratus que investiu cerca de 25 milhões de dólares na criação de uma fábrica de captação e engarrafamento de águas em Mazozo, província do Bengo.
Em declarações à imprensa, o director-geral do grupo Mostratus, João Polery, explicou que a Mosvipo pode engarrafar 12 mil garrafas de 1,5 litros/hora e 4.500 garrafões de cinco litros/hora de água de nascente. “A nossa água é de nascente natural, não tem qualquer tipo de tratamento ou descaracterização. É um produto com um conceito, captação, engarrafamento e controle completamente diferente do existente nas águas tratadas”, sublinhou o empresário
.


in  http://www.digitaldevizela.com/2009/09/dinamismo-empresarial-de-joao-polery.html

publicado por José Manuel Faria às 18:13

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
Será que o Sócrates não teve nada a ver com a Banc...
ANÓNIMO A 19 DE JULHO DE 2020 ÀS 13:09Dinis Costa ...
O tempo “da boa fé e da colaboração institucional”...
Outra vez!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Existe gente que não s...
Dinis Costa em 2 009 recebeu 3 milhões de endivida...
Artigo 133.ºCapacidade do estabelecimento - é só a...
Pede se o favor a quem de direito, que tenham aten...
ANÓNIMO A 11 DE JULHO DE 2020 ÀS 10:57Então diga l...
O Dinis Costa teve o dinheiro dos orçamentos.Mas a...
Leu mal! 13 ( treze ) milhões que Dinis Costa desb...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO