27
Jan 14

 

"«A Câmara Municipal de Vizela vem por este meio manifestar o seu desagrado com o conteúdo das afirmações proferidas no último programa Bica Quente, emitido na passada sexta-feira, na Rádio Vizela, relativamente à concessão de apoios ao associativismo, aprovada na reunião do Executivo, realizada na quinta-feira anterior.

Desde já lamentamos o facto de todas as questões que foram levantadas pelos comentadores daquele programa, e que foram devidamente esclarecidas na própria reunião do Executivo, não terem sido devidamente contrariadas pela moderadora do programa.

Lamentamos o facto da moderadora do programa não ter contra argumentado as questões levantadas pelos comentadores, quando as mesmas haviam sido também levantadas em reunião do Executivo e devidamente esclarecidas no momento.

A Câmara Municipal de Vizela lamenta a má preparação da jornalista para a realização do programa, limitando-se a estender a passadeira vermelha para que os comentadores, também eles desinformados da realidade, pudessem dizer tudo o que pensavam, sem qualquer tipo de contra-argumentação, enganando os ouvintes."

 

DDV

publicado por José Manuel Faria às 21:55

22 comentários:
Prof. Onde está a censura? Onde está o impedimento ao trabalho? Onde está a pressão? Safa Prof. Anda a ver fantasmas em todo o lado! Quando é que aprende a respeitar a vontade da maioria? Não sabe que o executivo está lá, porque a maioria votou nele?
O executivo apenas manifestou o seu desagrado, nada mais. A si também lhe desagrada muita coisa e tem que aguentar, não é assim?
O que vejo é que gostaria de lá estar mas não está. Nem sequer foi a sufrágio , por isso...espere pelas próximas eleições e tente tirar do poleiro quem o ocupa agora. Sim. Eu sei que gostaria que fosse na Coreia ou na sua estimada Birmânia ou outra do género. Lamento. tem de aguentar. Esta é a lei da democracia. Quem ganhou as eleições governa e, sim, tem direito mostrara o seu desagrado, quando mediocridade invade via onda rádio todas as nossas casas
Toninho a 28 de Janeiro de 2014 às 00:05

A Câmara é um órgão de poder (municipal): deve por isso estar acima das organizações profissionais ou sociais - arrasa o profissionalismo de uma trabalhadora de comunicação social e critica opinion makers " de uma rádio.

A Câmara é o governo da autarquia, deve manter-se à margem destes "pontos de vista" por causa das suas funções executivas que influenciam o "dia/a/dia" dos cidadãos livres.

Não se imagina o Governo da República a elaborar um Comunicado aos portugueses a criticar as opiniões públicas do Pacheco Pereira ou do prof . Marcelo assim como o trabalho jornalístico da Judite de Sousa.
Acresce que em territórios menos extensos (municípios) as pressões sociais, políticas e ou profissionais por parte do poder têm uma muito maior importância colectiva e individual.

Zé, estás a "atirar pérolas a porcos"!
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 13:30

Agora o pequenote já não assume o nome de "Guri", mas de "Toninho".
Este moço de recados do sr. Dinis veio, no fundo, manifestar o enorme desagrado que o chefe sente ao ser criticado em programas de análise e comentário político! Como eu o compreendo! Pensava ele que havia domesticado toda a RV e o RVJ? Aliás, o "Bica Quente" não o incomodava, pois CAC só zurzia na oposição e encontrava sempre justificações para todos os desmandos do sr. Dinis. Mas eis que a RV faz o convite a Miguel Machado, que não faz fretes a ninguém e comenta e analisa os temas de forma honesta, dando a sua opinião sem ter qualquer agenda política na mente. E isso destoava muito do estilo a que o CAC nos vinha habituando, levando o programa a perder muita audiência. De tal forma, que o próprio CAC tomou consciência do ridículo que era a sua análise e da sua nenhuma credibilidade, que agora, porque a análise de MM é bem mais credível do que a dele, começa o seus comentários dizendo: "Eu concordo com o Dr. Miguel.".
Umas vezes estou de acordo com os comentadores residentes, outras vezes não. Mas nunca invectivei a moderadora do programa a fazer contraditório, pois não sou pidesco, lido bem com a diferença de opinião, gosto do debate e não tenho a pretensão de ter sempre razão em tudo, mas apenas de defender sempre aquilo em que acredito sem nunca pretender silenciar quem de mim discorda. Ao contrário do sr. Dinis.
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 13:28

E isso resulta? Se resulta, a RV e o RVJ reagem logo de imediato e metem o rabinho entre as pernas. Têm de ir ao beija mão do Padrinho!
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 00:17

A câmara tem todo o direito de criticar. Eu não o faria pela irrelevancia das personagens
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 00:47

Está-se mesmo a ver o quão eles são irrelevantes!
Mas o mais grave é que Dc e os seus, não se queda pela crítica.
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 13:33

O comunicado da CMV que está na rádio vizela está tambem no DDV de MM, mas o do DDV é diferente, é mais extenso dizendo coisas que não diz no da rádio vizela.
Não sei se haverá algum motivo para que assim seja, mas não deixa de ser curioso.
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 08:07

A diferença é que o MM não faz edição dos comunicados e a RV faz. Aliás, esta expurgou as partes que lhe eram incómodas, e até já decidiu afastar a Helena Lopes da moderação e reintegrou a fiel Fátima Anjos.
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 13:37

Alguem explica o porquê de haver dois comunicados diferentes da cãmara sobre o mesmo assunto " comentários do programa bica quente" o da rádio vizela tem um conteudo, o do DDV do MM é mais extenso, mas porquê?
Será que no do MM podem dizer mais coisas?
Um comunicado é um comunicado, não varia comforme a entidade que o publica.
Sinceramente eu começo acreditar mais nos comentários dos comentadores da bica quente do que o executivo, temos como exemplo a renda do grupo TESAL.
Já no que se refere ás condições da cãmara, não me parecem que esteja tão má financeiramente, senão não tinham metido 4 pessoas a ganhar uma pipa de massa, quando as que lá estavam faziam o mesmo trabalho, e seriam umas boas centenas de €s ao fim do ano que se poupavam.
Por favor não falem de dificuldades financeiras, simplesmente não teem moral para falar em no assunto.
Vamos esperar para sexta feira, tenho a certeza que prof,carlos alberto e o dr. miguel machado terão uma palavra a dizer.
Para quem tinha mais que fazer do que ouvir o programa "bica quente" está muito bem informado.
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 09:57

O comentador "toninho" é o "guri".
PAG a 28 de Janeiro de 2014 às 10:16

Percebe-se a INQUIETAÇÃO do Executivo da CMV pois este é um programa de Excelência da Rádio Vizela e que CAUSA MUITO INCÓMODO, ao poder instalado...

As Verdades são para serem ditas DOA a QUEM DOER...
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 11:26

Eu nao sou o toninho que escreveu o comentario!
Guri a 28 de Janeiro de 2014 às 18:11

Pois não, Toninho! Mas conheces algum esquizofrénico que tenha consciência dos seus surtos psicóticos?
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 22:48

Um programa de excelência tinha q ser feito por comentadores excelentes, caracteristica que não abunda nessas personagens. Mas o executivo da Camara não deve sequer relevar. Deve-se preocupar com as finanças e com a parte social. Aí sim deve-se perder tempo...
Anónimo a 28 de Janeiro de 2014 às 20:19

Até a data iguais talvez, melhores?????????????? realmente um programa de excelência, não há a mais pequena dúvida.
Anónimo a 29 de Janeiro de 2014 às 00:00

Há quem ache q por se dizer mts vezes a mesma coisa que isso a torna verdade...;)
Anónimo a 29 de Janeiro de 2014 às 21:35


Hoje mais uma vez o programa "Bica Quente " do melhor dr. miguel machado, fala com certezas, mostra factos, mostra valores, contratos, alineas, artigos de lei, simplesmente espetacular, assim como o prof, carlos alberto.
Vamos ver se a cãmara vai fazer algum esclarecimento, pelo menos quanto ao contrato com a TESAL, os vizelenses teem direito a saber a verdade.
PS. Quanto ao pagamento do IMI não poderia ter estado melhor.
Anónimo a 31 de Janeiro de 2014 às 13:22

Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





comentários recentes
Está um comentário no faceboock do Prof. José Man...
E todos gostariam de saber a parte que tocou à ACI...
Sinceramente acho que ninguém tem que duvidar do v...
“meio milhão de euros é quanto a Câmara Municipal ...
não era essa a ideia que tinha do primo mas devere...
Jornal de Vizela Como será possível que em Vizela ...
Do primo a que se referiu.
Também fiquei a olhar!!!!!!!!!!!!!O outro que ulti...
Fala do primo dele. o Arnaldo. "Capacidade, formaç...
"capacidade, formação e arrojo"? não sei que primo...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO