30
Jan 14




"A primeira coisa que se vê em "Branca de Neve" é a melancolia. Muito menos a "provocação" que vem associada a este filme todo a negro, onde só se ouvem as vozes que lêem "Branca de Neve", na "versão" do escritor/poeta suíço Robert Walser (1878-1956). De tempos a tempos, como momentos de respiração, surge uma imagem no fotograma - segundos de céu azul -, antes de tudo voltar a mergulhar na escuridão."


Vasco Câmara

publicado por José Manuel Faria às 09:00

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





comentários recentes
Está um comentário no faceboock do Prof. José Man...
E todos gostariam de saber a parte que tocou à ACI...
Sinceramente acho que ninguém tem que duvidar do v...
“meio milhão de euros é quanto a Câmara Municipal ...
não era essa a ideia que tinha do primo mas devere...
Jornal de Vizela Como será possível que em Vizela ...
Do primo a que se referiu.
Também fiquei a olhar!!!!!!!!!!!!!O outro que ulti...
Fala do primo dele. o Arnaldo. "Capacidade, formaç...
"capacidade, formação e arrojo"? não sei que primo...
subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO