29
Dez 18

João Galamba diz que tem “ambições políticas modestas”. Na primeira entrevista desde que é secretário de Estado da Energia, João Galamba diz, ao Expresso (acesso condicionado), que acredita que a independência da regulação está garantida. No entanto, admite que a atuação da ERSE deve continuar a subordinar-se ao quadro legal determinado pelo Parlamento e pelo Governo.

“Não se faz uma transição energética desta magnitude de costas voltadas ou em conflito permanente com o setor. As entidades têm os seus próprios interesses e a obrigação do Governo é governar de acordo com o interesse público”, diz o secretário de Estado

JGalamba

publicado por José Manuel Faria às 11:32

Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
Não crendo entrar em polémicas tenho que dar aqui ...
Parabéns ao Bolinhol de Vizela. 1° lugar na distri...
A apresentação ocorreu no passado dia 13 de agosto...
José Maria J, RodriguesTem razão, mas hoje em dia ...
[(Menina Bárbara, experimente ler bons autores par...
Será que não consegue mudar de diálogo/resposta?É ...
As apresentações dos eventos/festas cada vez são m...
Tem complexo de superioridade. Isto é o que se ape...
Na falta de argumentos responde amem, é assim mesm...
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

13 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO